10 Exemplos De Cronografia

o cronografía É um tipo de texto histórico em que diferentes eventos de um período de tempo são narrados em detalhes. Esta escrita é frequentemente usada em diferentes disciplinas, como história, antropologia e etnologia.

A cronografia se diferencia de outros tipos de textos históricos, pois enfatiza a descrição do contexto e das causas dos eixos centrais com o objetivo de facilitar a compreensão dos acontecimentos narrados e da época. Por isso, na cronografia o que importa não é só o que aconteceu, mas em que circunstâncias.

Além disso, o termo “cronografia” também é utilizado para se referir a uma figura retórica que se caracteriza por ser uma descrição minuciosa do momento ou do período em que se desenrolam os acontecimentos de uma história, romance, crônica, peça teatral ou texto jornalístico.

  • Pode servir para você: Relato histórico

Características da cronografia como texto histórico

  • Temas. Os temas centrais da cronografia podem ser a cronologia de diferentes eventos, a história de um país ou região, a sucessão de governantes, a biografia de uma pessoa, entre outros.
  • Atos. Os eventos na cronografia são organizados cronologicamente. Além disso, costuma-se citar as causas e consequências dos eventos para melhor compreender a relação que existe entre eles.
  • Contexto. O contexto é um dos elementos mais frequentemente descritos nos cronógrafos, pois são sempre acrescentadas informações sobre as circunstâncias em que os acontecimentos ocorrem, sobre as características da época e sobre as qualidades das pessoas envolvidas. Além disso, geralmente são agregadas informações sobre o conhecimento do período descrito, como questões relacionadas à astronomia, agricultura, saúde e arquitetura.
  • figuras retóricas. Em alguns casos, as cronografias usam modelos narrativos semelhantes aos gêneros literários, por isso é muito comum que incluam diferentes figuras retóricas, como a alegoria, a hipérbole ou o retrato.
  • Julgamentos de valor. Julgamentos de valor não são encontrados em todas as cronografias, mas é possível que apareçam comentários ou opiniões dos autores sobre a época ou sobre os eventos mencionados.
Pode interessar-lhe:  Quais São as Características De Uma História Em Quadrinhos

Características da cronografia como figura retórica

  • Descrição. A cronografia é uma figura retórica de descrição que se concentra em comentar detalhadamente um momento ou um período. Por exemplo, você pode descrever uma hora do dia, uma estação, um mês, um feriado ou um horário.
  • parte de um texto. A cronografia como figura retórica não costuma cobrir um texto inteiro, mas é apresentada em uma ou várias partes dele, pois o objetivo é complementar a narrativa.
  • Uso de outras figuras retóricas. Para fazer uma cronografia, geralmente são incluídas outras figuras retóricas ou literárias, como metáfora, sinédoque ou metonímia.

Exemplos de cronografia como texto histórico

  1. Cronografíapor Miguel Psellos (1018-1078). Neste texto são narrados diferentes acontecimentos históricos, mas o trabalho se concentra em contar as biografias de diferentes imperadores bizantinos que governaram entre 976 e 1078. Além disso, destaca como foi o governo de cada um e são feitas alusões ao contexto, aos costumes , gostos, familiares e a personalidade dos protagonistas. Em algumas partes, o autor também dá sua opinião sobre os imperadores.
  2. Cronógrafopor Jerónimo de Chaves (1523-1574). Este texto narra em detalhes diferentes eventos históricos que ocorreram desde a origem do universo até o reinado de Filipe II. Além disso, são dadas informações sobre eventos astronômicos e astrológicos, sobre a medicina da época e sobre a influência que a meteorologia exerce sobre o espaço físico e sobre as pessoas, pois o autor concebia a história como algo que se relacionava com todo o universo.
  3. Cronografíapor Juan Malalas (491-578 dC). Este texto narra diferentes eventos que ocorreram desde a origem da humanidade até o presente do autor e o contexto é descrito em detalhes. Além disso, mitos e lendas de várias culturas são incluídos como se fossem fatos reais.
  4. Na linhagem do povo romanopor Marco Terencio Varrón (116-27 aC). Este texto narra diferentes acontecimentos ocorridos desde a origem da humanidade até a atualidade do escritor. Além disso, é feita uma descrição detalhada do contexto de cada fato e incluídas interpretações astrológicas de alguns eventos.
  5. 354 Cronógrafopor diferentes autores. Esta obra é composta por textos de diferentes autores romanos reunidos em 354 DC. C. Alguns dos escritos incluídos são uma lista dos cônsules que governaram até 354, uma crônica que narra eventos desde a origem do universo, uma crônica bíblica e uma crônica dos diferentes governantes que Roma teve. Além disso, há imagens de planetas, dos signos do zodíaco, de imperadores, entre outros.
Pode interessar-lhe:  15 Exemplos De Tipos De Literatura

Exemplos de cronografia como figura de retórica

  1. Tudo isto aconteceu na segunda-feira de manhã, quando já não está tudo tranquilo, porque as pessoas vão estudar ou trabalhar e porque os carros e autocarros enchem as ruas de barulho.
  2. Era o primeiro dia da primavera, as árvores estavam frondosas, com muitas folhas verdes; os pássaros cantavam belas melodias; e as primeiras pétalas das flores começaram a aparecer.
  3. Perceberam que já eram sete da noite, pois o sol alaranjado estava no meio do horizonte, as nuvens eram vermelhas, e estava cada vez mais escuro e menos claro.
  4. Dava para perceber que já era meio-dia, porque as pessoas, que haviam se reunido algumas horas antes para jantar, começaram a se abraçar e dizer “Parabéns!” ou “Feliz Ano Novo!”
  5. Terminou a universidade em meados da era Meiji, quando o Japão estava em processo de ocidentalização, quando o país estava repleto de trens e fábricas; museus e bibliotecas, de obras europeias; e as ruas, de pessoas em trajes e vestidos parisienses.

Referências:

  • Beristain, H. (1995). Dicionário retórico e poético. Editorial Porrúa S. A.
  • Carbo, LM (2014). A Cronografia de Miguel Psellos. A recepção da tradição clássica e a síntese com a visão cristã da História. Da Idade Média, 5(1), 67-94.
  • Cronógrafo de 354. (10 de março de 2022). E Wikipédia. https://en.wikipedia.org/w/index.php?title=Chronograph_of_354&oldid=1076346470
  • Enjoy it de Andrés, C. (março de 2007). A previsão do tempo na Idade de Ouro espanhola (séculos XVI-XVII). Revista Meteorológica Amadora (RAM), (1), 1-10.
  • Ochoa Anadón, JA (1988). A bibliografia sobre a “Cronografia” de Juan Malalas. Eriteia. Jornal de Estudos Bizantinos e Neo-Gregos, (9), 61-75. Consultado em 29 de abril de 2022, em https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=2977850